in

Programa desenvolvido pela Mosaic auxilia comunidades rurais

Iniciativa global vem garantindo aumento na renda de pequenos produtores familiares da Bahia

close up aperto de mao ao ar livre 23 2148233410
REPRODUÇÃO

Um projeto que apoia pequenos produtores vem transformando a realidade de famílias de Barreiras (BA). Com aporte anual de R$ 1,5 milhão, o programa Village, do Instituto Mosaic em parceria com The Mosaic Company Foundation, desenvolve comunidades rurais por meio dos eixos assistência técnica, educação e acesso à água, contribuindo para o aumento de produtividade e renda das propriedades e da qualidade de vida dos beneficiados.

Só no primeiro ano de implantação, as 17 famílias atendidas pelo Village em Barreiras tiveram aumento de 230% em sua renda, como resultado de todo o trabalho de gestão e acompanhamento técnico diário das lavouras para produção de alimentos de forma sustentável e consciente. Para o segundo ano do programa, mais famílias das principais comunidades já estão em fase de seleção. E para 2022, há estudo para uma nova localidade.

O investimento está em linha com o compromisso da Mosaic Fertilizantes, mantenedora do Instituto Mosaic, de ajudar o mundo a produzir os alimentos de que precisa ao mesmo tempo em que promove o desenvolvimento mútuo e sustentável das comunidades. “Esse é o legado que queremos deixar para as gerações futuras. Por meio do Village, estamos olhando individualmente para cada família, nutrindo a terra desses pequenos agricultores, investindo em educação, colaborando com a gestão de recursos hídricos, permitindo assim que seja criado um novo ciclo de empoderamento desses pequenos agricultores e prosperidade nessas propriedades”, afirma o presidente do Conselho Deliberativo do Instituto Mosaic, Arthur Liacre, que também é vice-presidente de Assuntos Corporativos, Estratégia e Sustentabilidade da Mosaic Fertilizantes.

Além de aumento da produtividade e dos ganhos financeiros, a iniciativa tem como objetivo estimular a diversificação de cultivos; oferecer acesso à água, por meio da implantação de cisternas ou adequação do sistema de irrigação para um melhor abastecimento e disponibilidade de água; e fortalecer a educação no campo. “O trabalho da Mosaic Fertilizantes na transformação da produtividade do campo também se amplia para mobilizar, apoiar e transformar a realidade dos pequenos produtores. É o alimento como fator de desenvolvimento nutricional e social. E o Village vem fazendo uma revolução no apoio aos pequenos agricultores com assistência técnica rural e geração de riqueza no campo”, explica o diretor-executivo do Instituto Mosaic, Paulo Eduardo Batista.

Até o ano passado, a agricultura entre as 17 famílias beneficiadas era basicamente de subsistência. Com a assessoria do programa, a realidade vem se transformando, com adoção de rotação de cultura e de técnicas de comercialização, para que a produção excedente seja destinada para o comércio local. “Eu não tinha renda nenhuma com o meu terreno, agora eu já consigo tirar R$ 250 por semana para o meu sustento. Aprendi muito, com a mão na massa junto”, conta Otacílio Filho, agricultor participante do Programa Village.

Na comunidade de Barreiras (BA), a Escola Municipal Antonio Machado é a base educacional do programa e, como contrapartida, receberá uma horta acessível que contará com um reservatório de água e kit de irrigação.

Geração de Riqueza no Campo

O Village é direcionado para produtores com até cinco hectares de terra de regiões no cinturão de pobreza da agricultura. A cidade de Barreiras foi a primeira escolhida a receber o programa no Brasil pois, apesar de seu alto potencial de produção na agricultura familiar, é carente de assessoria técnica rural.

cid:image003.png@01D7E5DB.3ACE5C00

A seleção leva em conta aspectos como acesso a água, área produtiva, potencial produtivo, abertura do proprietário a receber orientações e conteúdo, desejo do proprietário em aumentar sua produção. Além da assistência técnica e extensão rural, em cada propriedade foi realizado um diagnóstico para levantar as necessidades de infraestrutura para armazenamento de água e irrigação. A partir desse mapeamento, o projeto fez o investimento direto na propriedade, com a instalação de sistema de irrigação, sendo que em algumas propriedades houve a construção da cisterna (tanque de ferro-cimento).

Cada família recebe apoio e orientação por um ciclo de três anos, até que tenha independência e maturidade para continuar a gestão do negócio.

No próximo ano (segundo do projeto em Barreiras), o produtor vai aprender a olhar para sua propriedade a partir de uma perspectiva de empreendedorismo.

Nesse período, a equipe do Village apoia a busca de canais de comercialização, seja na comunidade, seja ingressando em programas e políticas públicas de compra de produtos da agricultura familiar. “A nossa produção antes era pequenina porque só plantávamos na época de chuva, mas apareceu o Village que nos orientou no cultivo de alho, feijão e milho, nos ensinou como agir, plantar e ter uma produção maravilhosa. Agora tenho mais esperança no futuro”, conta Luzinete Freitas Leite, mais uma beneficiada pela iniciativa.

De acordo com a diretora do Instituto Mosaic, Camila Bellenzani, o Village combina todas as plataformas de sustentabilidade da Mosaic Fertilizantes. “Desde que o programa foi implantado, é possível sentir mais segurança, confiança e esperança, que vem com motivação e dedicação, com mais identidade com a agricultura por parte dos beneficiados”, comenta.

Das 17 famílias, 29,5% têm a mulher como chefe de família; e 70,5%, o homem; e 9% são beneficiários do Bolsa Família. Elas cultivam hortaliças, culturas anuais (milho, feijão e mandioca) e frutíferas. Para saber mais sobre o programa, acesse: Mosaic Fertilizantes (mosaicco.com.br).

Experiência Internacional

O programa Village foi desenvolvido pela Mosaic Company Foundation há mais de 10 anos e tem experiências bem-sucedidas em outras nações, como a Índia. De acordo com Arthur Liacre, mesmo com realidades diferentes em cada país, há um fator em comum: “o solo necessita de cuidados e nutrientes e os pequenos agricultores precisam melhorar a produtividade, para aumentar a geração de renda e ampliar o acesso à alimentação. As soluções são diferentes, mas a essência é a mesma. A ideia é transformar comunidades vulneráveis com orientação agronômica nos eixos da agricultura familiar, água e educação. Este projeto promove melhorias na agricultura familiar, na renda familiar, na segurança alimentar e gera visão de sustentabilidade, pensando no futuro familiar.”

O Programa Village, na Índia, chamado Krishi Jyoti, começou com em apenas duas vilas para ajudar os pequenos agricultores a aprenderem sobre saúde do solo, gestão da terra e proteção da água, e apoio educacional com melhorias nos sistemas de água potável, cozinhas escolares e treinamento nutricional e melhorias no saneamento. Atualmente, o programa abrange 100 aldeias, mais de 7.500 famílias, beneficiando aproximadamente 124.000 pessoas, e com aumento médio de 18% a 35% na produção de trigo, mostarda, painço e algodão.

Fonte: A.I, adaptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

Confinamento de gado cresce 25,8% em 2021

Produção de soja nacional deve agregar valor

Relação entre Brasil e Rússia é motivo de comemoração

agtech agrobusiness

Webinar pauta desempenho de AgTechs brasileiras no exterior

WISIUM

Entenda os benefícios dos aditivos para bovinos de leite