Pesquisar
Close this search box.
Patrocinado
MERCADO

Conteúdo

Plano Safra 24/25 oferece R$ 508,59 bilhões ao agronegócio

Recursos incluem R$ 400,59 bilhões para financiamentos e R$ 108 bilhões em LCA
feedfood
Man in unform and farm in the background

O Governo Federal lançou nesta quarta-feira (03/07) o Plano Safra 2024/2025, por meio do Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA), com um total de R$ 508,59 bilhões destinados ao agronegócio brasileiro. Desse montante, R$ 400,59 bilhões são voltados para financiamentos, representando um aumento de 10% em relação ao ano anterior, e R$ 108 bilhões provenientes de Letras de Crédito do Agronegócio (LCA) para emissões de Cédulas do Produto Rural (CPR).

Do total destinado à agricultura empresarial, R$ 293,29 bilhões (+8%) serão para custeio e comercialização, enquanto R$ 107,3 bilhões (+16,5%) irão para investimentos. Entre os beneficiários, R$ 189,09 bilhões serão direcionados com taxas controladas, especialmente para o Programa Nacional de Apoio ao Médio Produtor Rural (Pronamp), e R$ 211,5 bilhões estarão disponíveis a taxas livres. As taxas de juros variam entre 7% e 12% ao ano, conforme o programa.

O Plano Safra 2024/2025 mantém o incentivo a sistemas de produção ambientalmente sustentáveis, premiando produtores com o Cadastro Ambiental Rural (CAR) analisado e práticas agropecuárias sustentáveis, com redução de até 1,0 ponto percentual na taxa de juros de custeio.

O programa RenovAgro continua a financiar práticas sustentáveis, como recuperação de áreas degradadas, integração lavoura-pecuária-florestas, agricultura orgânica e produção de bioinsumos. O RenovAgro Ambiental permite financiamentos para reparação ambiental em áreas embargadas, enquanto o RenovAgro Palmáceas, anteriormente focado no dendezeiro, agora abrange todas as palmáceas para produção de energia.

Confira os programas de investimentos do Plano Safra:

Fonte: MAPA, adaptado pela equipe FeedFood.

LEIA TAMBÉM:

Megatendências na aquicultura mundial

Integração da responsabilidade social nas estratégias de neutralidade de carbono

Personalidades do agronegócio fortalecem a sustentabilidade no 9º CNMA

Patrocinado
Patrocinado