in

Cotações do milho seguem em queda

Cenário foi pressionado pelo maior interesse de vendedores em negociar o cereal

Em período de atenção, movimento de queda das cotações de milho predomina, como aponta o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP.

Segundo o Cepea, os valores do milho caíram nos últimos dias na maior parte das regiões acompanhadas, “pressionados pelo maior interesse de vendedores em negociar o cereal”.

“Produtores estão mais ativos no mercado spot, tendo em vista a proximidade da colheita da segunda safra, a expectativa de melhora nas condições das lavouras e as recentes desvalorizações internacionais”, explica o Centro de Estudos.

Ainda segundo a instituição, ao que se refere ao lado comprador, “verifica-se que muitos priorizam o consumo dos estoques no curto prazo, à espera de novas quedas nos preços após o avanço da colheita. Neste ambiente, entre 21 e 28 de maio, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (região de Campinas, SP) caiu 2,6%, fechando a R$ 99,24/saca na sexta-feira, 28”.

Fonte: Cepea, adaptado pela equipe feedfood.

LEIA TAMBÉM:

Contínua valorização do milho afeta pecuaristas

Ourofino abre inscrições para programa de estágio

SP realiza Fórum sobre retirada da vacinação contra Febre Aftosa

Inscrições para o Prêmio Lamas 2021 são prorrogadas

Biovet Vaxxinova apresenta novo Coordenador Técnico de Bovinos