Pesquisar
Close this search box.
Patrocinado
MERCADO

Conteúdo

Vaxxinova marca presença no XX Congresso Nacional ABRAVES

Durante o evento, a companhia estará presente com estande, expondo com grande destaque suas vacinas autógenas Govaxx. 
feedfood

A Vaxxinova comparece em mais uma edição do Congresso Nacional ABRAVES, o maior evento de suinocultura do Brasil, que começou no dia 16 e irá até 19 de outubro, no Centro de Eventos da PUCRS.

No evento, a companhia está apresentando as suas soluções para a suinocultura. “Um dos destaques da nossa participação é a apresentação das nossas vacinas autógenas, especialmente desenvolvidas para promover uma maior sanidade nos animais. Elas são formuladas a partir de agentes patogênicos e antigênicos obtidos de animais enfermos ou eutanasiados, com o objetivo de proporcionar um tratamento eficaz tanto para o animal em questão quanto para os demais no mesmo local ou em propriedades adjacentes. Consideramos essas soluções como um verdadeiro avanço que colabora com a rentabilidade de diversos produtores”, comenta Rogério Petri, gerente da Unidade de Negócio Suínos. 
 
Organizado pela ABRAVES, do Rio Grande do Sul, o Congresso promove discussões técnicas relevantes para a suinocultura, além de apresentar e debater trabalhos científicos inéditos. Este evento reúne um público diversificado, composto por veterinários, zootecnistas, agrônomos e demais profissionais ligados à área de suinocultura, bem como alunos de graduação e pós-graduação relacionados ao setor e produtores de suínos. 

Neste ano, o tema central escolhido para o acontecimento é: Produzindo suínos para um futuro sustentável. “O XX Congresso Nacional da ABRAVES representa uma oportunidade ímpar para o setor. O Brasil é um dos maiores produtores de suínos do mundo, por isso, é muito importante participar de discussões como esta, trocar informações e fazer networking com um público diverso, que faz parte desta indústria. Além disso, também estamos ansiosos para compartilhar nosso conhecimento sobre todas as etapas da cadeia de produção suína, que acreditamos colaborar com futuro mais sustentável para a suinocultura brasileira”, finaliza Petri.

LEIA TAMBÉM:

PIB do agro tem avanço acumulado de 0,5% em 2023

Ações brasileiras são destaque nas Conferências da FAO

Uso de tanino reduz emissão de GEE em 17% na pecuária

Patrocinado
Patrocinado