Pesquisar
Close this search box.
Patrocinado
MERCADO

Conteúdo

Preço pago ao produtor agropecuário caiu 16,4% em 2023

A baixa ficou acima da observada para as cotações internacionais dos alimentos
feedfood
Foto: reprodução

Em 2023, embora os preços pagos aos produtores agropecuários tenham reagido no último trimestre, houve uma intensa queda no balanço anual, conforme informou o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea). A baixa ficou acima da observada para as cotações internacionais dos alimentos.

De acordo com cálculos, a queda registrada no Índice de Preços ao Produtor de Grupos de Produtos Agropecuários (IPPA/Cepea) foi de 16,4% em relação a 2022. Já os preços internacionais dos alimentos (Índice da FAO) na mesma comparação, recuaram 13,7%, os industriais (IPA-OG-DI produtos industriais), 4,5%, e a taxa de câmbio (R$/US$), 3,3%.

No balanço do ano, a baixa do IPPA/Cepea corresponde a redução observada para o IPPA-Grãos/Cepea, de 22,5%, como também aos recuos do IPPA-Pecuária/Cepea, de 11,1%, e ao IPPA-Cana e Café/Cepea, de 7,8%. Por outro lado, no IPPA-Hortifrutícolas/Cepea, foi verificada uma elevação nominal ao longo de 2023, em 5,9%.

Contudo, entre os meses de outubro a dezembro e julho a setembro, o IPPA/Cepea registrou um aumento 2,4%. A reação esteve atrelada aos avanços observados para os índices o qual agregam grãos, hortifrútis e cana-café, tendo em vista que o pecuário recuou.

Foto: reprodução
Preço pago ao produtor agropecuário caiu 16,4% em 2023 (Foto: reprodução)

Fonte: Cepea, adaptado pela equipe FeedFood.

LEIA TAMBÉM:

Mercado da tilápia conquista recorde em 2023

Setor de genética avícola atinge crescimento de 69,3%

Preço do boi gordo segue próximo de R$250 a arroba

Patrocinado
Patrocinado