in

Papel do consumidor no agro foi tema de encontro on-line

Semana Internacional de Agricultura Tropical focou em “Inovação e o futuro da alimentação mundial”

Closeup side view of a late 20's couple choosing some fresh meat for tonight's dinner. They are reading label on one of the packages and seem a bit uncertain about it.

Saber quem consome o produto é essencial para entender como o mercado passará a funcionar, inclusive dentro do agronegócio. Com essa questão em foco, no quinto e último dia da Semana Internacional de Agricultura Tropical (AgriTrop2021), com o tema “Inovação e o futuro da alimentação mundial: uma rota para a sustentabilidade”, especialistas apontaram o consumidor como farol da agricultura do futuro.

Entre os profissionais participantes, o professor da USP e da FGV, Marcos Fava Neves, falou sobre o macroambiente que influencia as cadeias produtivas do agro atualmente: político, econômico, social e tecnológico na palestra de abertura da última sessão, que foi moderada por Rodrigo Lima, do Agroícone.

Para o profissional, a mudança no perfil dos consumidores é duradora, como exemplo ele citou a preocupação com o desperdício; o fortalecimento da inclusão socioeconômica, especialmente entre os mais jovens; a valorização da alimentação balanceada e saudável; o bem-estar animal; o engajamento coletivo; a confiança na ciência e o apoio à produção local.

Ainda na avaliação do professor, as mudanças que se destacam se referem também nas novas formas de trabalho, com a introdução do home-office, além da economia circular e a gestão de riscos. No que se refere a agricultura, para Fava Neves, a digitalização mudou completamente o cenário “A agricultura de precisão, a partir de instrumentos de monitoramento por satélite, sensoriamento remoto, georreferenciamento e uso de aplicativos e softwares, permite monitorar a produção agrícola em detalhes nas propriedades rurais não mais em hectares, mas, literalmente, em metros quadrados”, apontou.

Para saber mais, leia a cobertura completa realizada pela Embrapa. Clique aqui.

Fonte: Embrapa, adaptado pela equipe feed&food.

ABPA visa combater vendas falsas no mercado externo

BOVINOCULTURA

Uso de algoritmo pode auxiliar no acompanhamento de bovinos