Pesquisar
Close this search box.
Patrocinado
MERCADO

Conteúdo

MDIC indica 26 entidades do setor produtivo para fórum

FMCS vai se reunir pela primeira vez para elaborar políticas de comércio e serviços
feedfood
Foto: reprodução

A portaria que define 26 entidades do setor privado para compor o Fórum de Comércio e Serviços do Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços (FMCS) e cria duas câmaras setoriais do fórum, foi publicada nesta segunda-feira (20). O FMCS vai se reunir pela primeira vez para elaborar políticas de comércio e serviços no final de novembro.

A troca de informações entre os setores públicos e privados visa identificar as políticas que afetam a competitividade e a produtividade de cada um, com o objetivo de definir as necessidades e medidas de fortalecimento do comércio e serviços.

Os membros do encontro, titulares e suplentes, serão indicados pelas entidades. Outras representações do terceiro setor podem pleitear a participação como membro no FMCS, desde que sejam de caráter nacional e constituídas há mais de quatro anos. Todas as secretarias do MDIC fazem parte do Fórum.

FOTO: REPRODUÇÃO
FMCS vai se reunir pela primeira vez para elaborar políticas de comércio e serviços no final de novembro (FOTO: REPRODUÇÃO)

O terceiro setor tem grande abrangência, que vai desde empreendimentos locais até grandes redes de varejo, impulsionando a circulação de bens e estimulando a atividade econômica. Além disso, há setores de serviços que incorporam atividades de alta tecnologia e que demandam mão de obra especializada, promovendo inovação e competitividade. De acordo com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED), o setor de comércio e serviços representa 70% do emprego com carteira assinada no Brasil.

Entre as câmaras temáticas elaboradas pela portaria está a de Comércio e Serviços Conectados ao Varejo e a de Serviços Baseados em Conhecimento. Ambas poderão criar grupos de trabalho para debater temas específicos.

Acesse a portaria e confira a representação de todas as entidades privadas no FMSC.

Fonte: MDIC, adaptado pela equipe FeedFood.

LEIA TAMBÉM:

PIB do agro tem avanço acumulado de 0,5% em 2023

Ações brasileiras são destaque nas Conferências da FAO

Uso de tanino reduz emissão de GEE em 17% na pecuária

Patrocinado
Patrocinado