Pesquisar
Close this search box.
Patrocinado
MERCADO

Conteúdo

Brasil amplia presença com a segunda maior abertura comercial na UEEA

Governo brasileiro passará a exportar suínos vivos para Rússia, Belarus, Armênia, Cazaquistão e Quirguistão
feedfood

Um novo marco foi estabelecido nas relações comerciais entre o Brasil, a Rússia e demais membros da União Econômica Eurasiática (UEEA), com a abertura de mercado para suínos vivos. 

Com isso, o governo brasileiro passará a exportar o animal para cinco países: Rússia, Belarus, Armênia, Cazaquistão e Quirguistão.

Em setembro de 2023, foram autorizadas as exportações de bovinos vivos, se tratando agora da segunda maior abertura comercial para os membros da UEEA em menos de dez meses.

Foto: reprodução
Em 2023, o Brasil exportou cerca de US$1,2 bilhão em produtos do agronegócio para a Eurásia (Foto: reprodução)

Ainda no último ano, o Brasil exportou aproximadamente US$1,2 bilhão em produtos do agronegócio para a Eurásia. Os produtos que mais se destacaram foram a soja em grãos, a carne bovina, o café verde e a açúcar bruto.

As aberturas mencionadas são resultado de missões realizadas por representantes do Ministério da Agricultura e Pecuária (MAPA), com o respaldo da Embaixada do Brasil na Rússia.

Fonte: MAPA, adaptado pela equipe FeedFood.

LEIA TAMBÉM:

Enchentes no RS: para manter atividade, avicultura precisará de reforços

Porto Alegre recebe 460 cestas de alimentos da Conab após enchentes

Produção competitiva na nutrição animal ganhará destaque no X Clana 2024

Patrocinado
Patrocinado