in

Bioativos Safeeds são alternativa segura para produção animal

Safeeds trabalha com soluções compostas por extratos de plantas

Nos últimos anos, a redução no uso de antibióticos na produção animal tem sido pauta de diferentes discussões motivando pesquisadores a desenvolver alternativas que promovam saúde animal e desempenho satisfatório em rentabilidade.

A inclusão de aditivos naturais nas dietas tem sido o principal caminho para substituiçãoaos antibióticos. “Os compostos bioativos derivados de plantas, apresentam um amplo modo de ação, tanto em relação ao seu potencial antimicrobiano quanto antioxidante, que auxiliam na melhora do sistema imune e de respostas produtivas e reprodutivas dos animais”, explica Mariana Ornaghi, zootecnista e analista do departamento técnico da Safeeds.

Sendo a primeira empresa brasileira especializada em aditivos da classe “safe”, há 17 anos a Safeeds trabalha no desenvolvimento de alternativas seguras para a produção animal e o uso de produtos à base plantas é uma realidade dentro da empresa. De acordo com Mariana, trabalhar com esses produtos é complexo, a composição dos extratos de plantas pode variar significativamente dependendo do método de extração, partes utilizadas, estação de colheita e a origem da planta. “Esses componentes são dependentes de muitos fatores bióticos e abióticos.No caso de um único extrato, mais de 50 compostos podem ser identificados.”

Os investimentos em pesquisa e desenvolvimento da Safeeds representam o percentual mais significativo dos investimentos totais da empresa.A equipe interna da Safeeds conta com pesquisadores doutores em diferentes áreas e, em breve, será inaugurado um moderno Centro de Ciência e Inovação voltado para o desenvolvimento de pesquisa de produtos com tecnologia de ponta, com análises de alta sensibilidade como o uso de HPLC e Espectrofotometria.

Atualmente, a empresa possui mais de 40 convênios com renomadas universidades, centros de pesquisa, laboratórios, pesquisadores e consultores externos.

“Estudamos os principais óleos essenciais e compostos isolados através do milenar conhecimentoda medicina humana, aprofundamos esses estudos cientificamente para uso zootécnico a fim deselecionar aqueles que apresentam a capacidade bioativa. Existem ainda, alguns compostos isolados que funcionam como potencializador dos efeitos antimicrobianos e antioxidantes. A chave é a mistura sinérgica entre eles, além da dosagem e forma de administração”, detalha a zootecnista.

Segundo Mariana, no organismo animal, os compostos bioativospodem atuar como modulador do microbioma, possibilitando uma melhor saúde intestinal e aumento da imunidade através da redução de radicais livres produzidos no intestino, o qual atinge corrente sanguínea e tecidos.

“Sabemos que o intestino é ainda mais complexo do que o conhecimento científico atual, diversas interações biológicas são favorecidas na presença de compostos bioativos. Nesse contexto, é interessante destacar que tecnologias como a microencapsulação possibilita uma melhor efetividade dos aditivos plant-based no favorecimento do microbioma intestinal,” explica.

ASafeeds conta com um portfólio completo, com produtos específicos para cada espécie animal. Há um grande aproveitamento das misturas de ácidos orgânicos e óleos essenciais protegidos para aves e suínos e, para ruminantes,há uma combinação exclusiva de óleos essenciais e componentes bioativos. Em breve também serão disponibilizados produtos exclusivos para peixes.

Fonte: A.I.

podcast

VetanCast ultrapassa os 2.000 plays no Spotify

JBS exportará para o Camboja e para a República Dominicana