Patrocinado
AQUICULTURA

Conteúdo

Vaxxinova reestrutura time da Unidade de Negócios Aqua 

Reformulação tem como objetivo contribuir com o crescimento da empresa no setor 
feedfood

A Vaxxinova anuncia Rodrigo Pedralli — que antes estava na área de avicultura da empresa —, como novo Gerente da Unidade de Negócios Aqua, para atuar juntamente com a médica-veterinária, Maisa Selingardi, a nova Gerente Técnica Nacional.  

“O segmento de aquacultura está em pleno crescimento na Vaxxinova e agora ganhou um reforço em dose dupla. Eu com minha experiência em gerência e marketing, adquirida dentro da própria empresa, e ela com toda sua bagagem adquirida nos últimos oito anos como sanitarista nas principais empresas de criação de tilápia do Brasil. Juntos nosso objetivo é proporcionar ainda mais qualidade aos serviços oferecidos aos nossos clientes em todo o país e apresentar as melhores estratégias e soluções da nossa empresa ao mercado”, conta Pedralli. 

Embora o mercado de aquicultura seja relativamente recente no Brasil, tem demonstrado um crescimento expressivo na última década. De acordo com a Associação Brasileira de Piscicultura, houve um aumento de 2,3% na produção de peixes de cultivo, alcançando 860.355 toneladas no ano passado. Além disso, o país já ocupa a quarta posição entre os maiores produtores de Tilápia.  Maisa ressalta que, apesar das boas notícias desse crescimento, o desenvolvimento do mercado traz consigo desafios significativos para os profissionais do setor.  

Profissionais, como Maisa, ampliarão o papel da empresa no segmento (Foto: reprodução)

“Esse crescimento cria um ambiente propício para o surgimento de novos patógenos, podendo causar impactos importantes para o setor. Nesse sentido, a tendência do mercado da aquicultura brasileira é investir cada vez mais em controle sanitário, especialmente por meio de programas vacinais personalizados, visando alcançar a estabilidade na produção e garantir um pescado seguro e de alta qualidade para os consumidores finais”, explica a Gerente.  
  

Segundo Pedralli, a Vaxxinova é uma líder no segmento de vacinas autógenas e se destaca como a principal fonte de informações sanitárias de alto nível em sua rotina de trabalho de campo. “A medicina veterinária chegou com o objetivo de contribuir e dar continuidade à busca por novas soluções relacionadas à saúde dos peixes”, explica. 

“A companhia possui o portfólio de soluções mais abrangente do mercado nacional, sendo a empresa que mais investiu e continua a investir no desenvolvimento de soluções únicas para o mercado local. Um exemplo disso são as vacinas contra Francisella orientalis, Streptococcus Ib, III, dysgalactiae e Lactococcus petauri, sendo a primeira companhia de saúde animal no mundo a desenvolver, validar e comercializar vacinas contra esses patógenos. Portanto, acredito que estou aqui para somar e ajudar a manter o ritmo acelerado de crescimento da companhia neste segmento de mercado, mantendo o padrão de qualidade dos serviços entregues aos nossos clientes e parceiros comerciais, de forma a ampliar ainda mais nossa liderança no mercado de autógenas”, completa a médica-veterinária.  

Em relação aos planos futuros de crescimento da empresa, Maisa os dois profissionais informam que há muitas novidades para o setor de Aqua da Vaxxinova. “Em 2024, teremos grandes lançamentos para o mercado nacional, que serão anunciados ainda no primeiro semestre, especialmente durante eventos onde estaremos presentes, como a AQUISHOW BRASIL, agendada para maio de 2024, na cidade de São José do Rio Preto/SP”, conclui Maisa Selingardi 

Fonte: A.I, adaptado pela equipe FeedFood.

LEIA TAMBÉM:

PIB do agro tem avanço acumulado de 0,5% em 2023

Ações brasileiras são destaque nas Conferências da FAO

Uso de tanino reduz emissão de GEE em 17% na pecuária