Patrocinado
MERCADO

Conteúdo

Vaccinar obtém certificação internacional

A unidade de Nova Ponte (MG) foi reconhecida pela excelência na produção de alimentos seguros e inócuos
feedfood
Foto: reprodução

Investir em ações que garantam a qualidade, a segurança dos alimentos e as melhores práticas de fabricação é uma das premissas da Vaccinar, que acaba de receber a certificação internacional GMP Plus Feed Safety Assurance. A unidade de Nova Ponte (MG) foi reconhecida pela excelência na produção de alimentos seguros e inócuos, em toda a cadeia que envolve colaboradores, fornecedores, parceiros e clientes.

A certificação GMP Plus (Good Manufacturing Practice Plus) é um selo holandês amplamente reconhecido no setor de produção de alimentos para animais. Esta conquista obteve pontuação máxima nas dimensões auditadas, demonstrando uma evolução e melhoria dos processos, visando a segurança do alimento e a experiência do cliente, atendendo aos padrões internacionais de qualidade.

O reconhecimento reforça a missão da Vaccinar de aplicar a melhor solução em nutrição para a saúde e o desempenho animal, garantindo qualidade e segurança às partes interessadas.

Foto: reprodução
Vaccinar obtém certificação internacional (Foto: reprodução)

“Receber esta certificação nos dá a certeza de que estamos no caminho certo e que devemos seguir acreditando em nossos propósitos e objetivos. Mantemos o nosso compromisso com a segurança dos alimentos e as melhores práticas de fabricação. Vamos continuar a investir em ações e práticas que assegurem esse fim”, comemora Nelson Lopes, CEO da Vaccinar.

Sebastião Borges, diretor técnico de Nutrição da Vaccinar, destaca que o processo fabril da empresa permaneceu inalterado. “Certificações internacionais fortalecem nossos processos, evidenciando que tomamos decisões acertadas e conduzimos nossas políticas, normas e procedimentos em prol da segurança do alimento, garantindo e assegurando produtos de qualidade ao mercado. Esta é uma conquista de toda equipe”.

Com a qualificação, a Vaccinar tornou-se apta a atender grandes agroindústrias no mercado brasileiro e europeu, seguindo normas rígidas que garantem o cumprimento de todos os requisitos de qualidade, proporcionando mais segurança para os alimentos em toda a cadeia produtiva. “Estamos confiantes de que isso fortalecerá nossa presença global e abrirá portas para novas parcerias e negociações internacionais”, finaliza Nelson Lopes.

Fonte: A.I, adaptado pela equipe FeedFood.

LEIA TAMBÉM:

Agenda ESG em movimento

Confiança, transparência e credibilidade

Pensando além do lucro