Patrocinado
AQUICULTURA

Conteúdo

Teste genômico garante qualidade das matrizes de truta

Criadores poderão selecionar reprodutores mais adequados com informações genética
feedfood

A Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia oferece, por meio da plataforma AquaPLUS, o TrutaPLUS. A ferramenta permite que os produtores de um dos peixes de águas frias mais valorizados, a truta-arco-íris (Oncorhynchus mykiss), possam avaliar a estrutura e a diversidade genética dentro e entre plantéis comerciais de reprodutores dessa espécie. 

A tecnologia foi desenvolvida com recursos da Fundação de Amparo à Pesquisa do Distrito Federal (FAP-DF) e da própria Embrapa. O pesquisador Alexandre Caetano explica que os truticultores das regiões serranas do Brasil, como a Serra da Mantiqueira em São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, e a Serra Catarinense, podem dar início à análise genômica dos reprodutores e matrizes de seus plantéis. 

A ferramenta permite obter soluções simples, de baixo custo, práticas e inovadoras, capazes de promover a qualificação, o manejo e melhoramento genético da espécie, a exemplo do que vem ocorrendo desde o lançamento da plataforma AquaPLUS com a oferta de outras quatro ferramentas genômicas voltadas a espécies aquícolas.

A produção brasileira de truta arco-íris tem importância significativa para a economia regional nas regiões serranas, como a Serra da Mantiqueira e a Serra do Mar, nas regiões Sudeste e Sul, uma vez que está especialmente associada ao turismo e a restaurantes de alta gastronomia nas grandes áreas metropolitanas (Foto: divulgação)

Com a caracterização genética do plantel, o truticultor será capaz de selecionar os reprodutores e matrizes com maior probabilidade de gerar proles com características desejadas, como resistência a doenças, boa taxa de conversão alimentar, crescimento rápido etc. A ferramenta ainda evita acasalamentos entre animais com parentesco próximo, chamados consanguíneos, que aumentam as chances de problemas genéticos nos descendentes.

Fonte: Embrapa, adaptado pela equipe FeedFood.

LEIA TAMBÉM:

Brasil abre 37 novos mercados para o agronegócio em 2023

Calculadora indica melhores cruzamentos na pecuária

Projeto ensina detentos a cultivar tilápia em Alagoas