in

TecnoBeef anuncia chegada de Pedro Terencio

Diretor Geral será responsável por coordenar novas ações de expansão da empresa

Wellington Torres, de Altair (SP)

[email protected]

Não só contrariando a máxima de que não se deve mexer em time que está vencendo, TecnoBeef anuncia nova contratação e reforça pacto com a inovação dentro da pecuária. Chegada de Pedro Terencio como Diretor Geral tem como objetivo ampliar participação da empresa no mercado interno. 

A iniciativa, que une expertise, tecnologia de ponta e economia circular, oficializou o novo capítulo da empresa na última segunda-feira (06). O profissional, formado em Medicina Veterinária pela Universidade de São Paulo (USP), já passou por empresas como Nutron, Phibro e Cargill.

De acordo com Terencio, sua participação na empresa que pertence ao grupo Campanelli, terá como objetivo fomentar as boas práticas e reforçar o desenvolvimento de ideias que expectam um futuro ainda mais robusto, cada vez mais alinhado às necessidades dos clientes. 

“Através da TecnoBeef conseguimos fomentar e auxiliar pecuaristas, destacando boas práticas que aumentem a sustentabilidade da produção de carne, otimizando o máximo de cada propriedade”, destaca o Diretor Geral. 

O novo integrante afirma que já se encontra em reuniões para que, juntos, essa nova gestão analise os futuros passos: “A empresa teve um crescimento muito robusto nos últimos quatro anos, mas estamos querendo mudar antes que sejamos obrigados por cenários externos”.

“A minha chegada mostra um pouco do DNA da TecnoBeef. Ela está crescendo continuamente, sendo assim não vim para ‘consertar’ algo. É um time que está ganhando e acredita que pode ir mais além”, enfatiza, ao destacar que qualquer novo passo estará atrelado à inovação e tecnologia, aportados pelas demais frentes do grupo, como o Centro de Pesquisa e a Agro Pastoril Paschoal Campanelli.

Com foco em ruminantes, a iniciativa é responsável por oferecer soluções personalizadas, com confiabilidade e alta tecnologia, atendendo às especificidades de cada cliente, “de produtor para produtor”.

Uma empresa de consistência

Se anteriormente, Victor Campanelli, o profissional responsável pela gestão de todo o grupo, definiu o ano de 2022 para a pecuária brasileira pela palavra resiliência, Pedro Terencio, ao focar na TecnoBeef, faz uso da consistência. 

“Eu diria consistência porque passamos anos tendo rentabilidade recordes na pecuária e acho que neste ano, como estamos em um cenário mais desafiador e resiliente, o nosso papel como fornecedor de insumo, parceiro de negócio e ‘advisor’ tem que ser consistente”, explica. 

Para ele, isso ocorre quando não se abre mão da qualidade ou se pega atalhos, relembrando aos clientes que, mesmo ao enfrentar gargalos, é necessário ter resiliência, pois “há escolhas”.

“O fator externo muda a tática que utilizaremos com cada cliente, mas o nosso compromisso com a qualidade, o cliente e a ciência continuam”, finaliza Terencio, ao reforçar que seu papel é entender cada uma das realidades, sendo fiel aos valores do grupo”.

LEIA TAMBÉM:

MAPA aponta dicas para compra de pescados

Agro brasileiro amplia exportações durante mês de março

13⁰ Simpósio Técnico da ACAV anuncia nova data

Instituto de Pesca fomenta projeto Ciência na Prática

01 12

SC comemora sete anos sem Peste Suína Clássica (PSC)