in

Santa Catarina intensifica ações ante PSA

Estado é o maior produtor e exportador de carne suína do Brasil

SUÍNO

Em meio aos casos confirmados de Peste Suína Africana (PSA) nas Américas, Estados brasileiros, como Santa Catarina, seguem intensificando medidas de prevenção. Para falar sobre a pauta, governador do Estado se reuniu com autoridades públicas e um representante da iniciativa privada.

Segundo Carlos Moisés, o momento é de atenção. Ele lembrou que não há casos notificados no Brasil desde a década de 1980. Apesar disso, a Peste Suína Africana está presente em mais de 50 países, entre eles a República Dominicana e o Haiti – estes são os primeiros registros da doença no continente americano em mais de 30 anos.

“Estamos atentos a essa situação. Santa Catarina possui um status sanitário diferenciado e precisamos lutar para mantê-lo. Nossa economia depende fortemente do agronegócio, portanto estamos intensificando os trabalhos a fim de evitar que a doença retorne e traga prejuízos financeiros ao nosso Estado”, afirma o governador.

Neste cenário, tendo em vista que o Estado é o maior produtor e exportador de carne suína do Brasil, campanha educativa será desenvolvida em parceria do setor público com a iniciativa privada para comunicar as formas de se evitar a transmissão da doença.

Fonte: A.I, adaptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

Medida suspende PIS e COFINS para Importação de Milho

SIILHalal visa potencializar oferta e variedade de produtos Halal

Embrapa trabalha em produção de bacon ovino

AGRO

Géraldine Kutas assume nova diretoria na Ceva

INOVAÇÃO

MAPA abre consulta pública sobre farmacovigilância veterinária