in

Safeeds se destaca em segurança alimentar

Empresa passou por auditoria e Hazard Analysis Critical Control (HACCP) foi mantido

Melhorar a qualidade e segurança dos alimentos é um compromisso da Safeeds e a adoção de condutas de monitoramento e cuidados que se complementam, e que tem influência direta no que é ingerido pelos animais, é rotina na empresa. Desde 2014 a empresa é certificada em Boas Práticas de Fabricação (BPF) e, no ano passado, mais uma importante certificação foi alcançada, o Hazard Analysis Critical Control (HACCP).

Durante o último mês de setembro, a Safeeds passou por uma auditoria de acompanhamento do HACCP e o trabalho realizado reafirmou mais uma vez a excelência em qualidade e segurança dos alimentos produzidos pela empresa.

“Nós estamos muito satisfeitos com a auditoria e o resultado dela, porque isso demonstra a dedicação e o compromisso que temos com os nossos clientes. E, mesmo com a validação desse compromisso, o nosso desafio ainda não terminou. Continuamos trabalhando para desenvolver e implementar ações de melhoria contínua, sempre buscando a segurança e qualidade dos nossos produtos”, relata a coordenadora de qualidade da Safeeds, Lais Frachini.

HACCP

Em português, o HACCP significa Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle e é um sistema de segurança para alimentos. Essa segurança é medida por meio de análises e controles químicos, físicos e biológicos e o acompanhamento acontece desde a produção da matéria-prima até o produto acabado, identificando o que pode ser um risco sanitário.

Para sua implantação, o sistema baseia-se em sete princípios, que são: identificação e avaliação de perigos; identificação dos pontos críticos de controle; estabelecimento dos limites críticos; estabelecimento dos procedimentos de monitoração; estabelecimento de ações corretivas; estabelecimento de procedimentos de verificação e estabelecimento dos procedimentos de registro.

Com esse selo, empresas como a Safeeds comprovam que possuem um mecanismo de controle que objetiva principalmente proteger a saúde do consumidor.

Fonte: A.I, adaptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

Produção feminina de churrasco veio para ficar

Recadastramento de pescadores é iniciado

Ariel Mendes fala sobre participação no COSAG

Comitê IPVS2022 visita Rio de Janeiro para realização de evento

Ceva Sounds BR Aves aborda vacina em spray