in

SAA/SP reforça medidas contra a Covid-19 aos produtores

Boletins informativos foram disponibilizados pela secretaria visando conscientizar setor

mascara
a woman's face in a medical mask on black background, an outbreak of coronavirus infection and protection from it. close- up, Studio portrait on a dark. copy space, look at the camera.

Com o recrudescimento da pandemia, novas cepas em circulação, escalada no número de mortos e hospitais com risco de total colapso, o Governo do Estado de São Paulo tomou medidas mais restritivas.

A Secretaria de Agricultura e Abastecimento reeditou a série de áudios-boletins sobre biossegurança feita no início da pandemia de COVID-19. O objetivo da Pasta é reforçar, por meio de informação, quais os cuidados necessários para combater a propagação da doença no meio rural.

As recomendações dos áudios-boletins vão desde medidas gerais, como a lavagem das mãos e o uso de máscaras, até outras voltadas especificamente a algumas das principais cadeias produtivas como fruticultura, olericultura, leite, cafeicultura.

“Os produtores rurais que vivem nas propriedades, de certa forma, já mantinham um maior distanciamento social e as medidas foram no sentido de como receber fornecedores e como entregar e comercializar seus produtos. Porém essas medidas, na atual fase, precisam ser mais rigorosas devido à circulação das novas cepas que têm um maior grau de contaminação e agem de forma mais rápida, atingindo não apenas a população de mais idade, mas também jovens. Simples reuniões em família, que porventura poderiam parecer inofensivas, têm causado grande contaminação entre os próprios familiares, atingindo de forma generalizada a toda a família, seja nas cidades ou no campo”, alerta o coordenador da Coordenadoria de Desenvolvimento Rural Sustentável, engenheiro agrônomo José Luiz Fontes, a exemplo de notícias que vêm sendo circuladas por outros estados da União.

O coordenador ainda frisa que o Governo do Estado não tem poupado esforços para conscientizar a população e propor medidas de distanciamento e isolamento social, que são indispensáveis para o controle da pandemia. Além disso, Fontes ressalta que os médicos também têm feito apelos à população. “A Secretaria de Agricultura também aproveita este momento para também fazer a sua parte no apelo aos produtores rurais que atentem para essas medidas, com o objetivo de que todos, de cada um dos 645 municípios paulistas, possam ultrapassar essa fase extremamente difícil também para as famílias rurais”, pontua.


Medidas importantes. Vale sempre lembrar que, lavar as mãos com maior frequência ‒ todas as vezes que manipular ferramentas, utensílios, automóveis ‒, nunca é demais. O uso de máscara é primordial e deve ser feito de maneira correta, cobrindo nariz e boca, sem deixar vãos livres e a troca dessas máscaras a cada duas horas de uso, além do distanciamento, de 1,5m a 2m entre as pessoas são as medidas mais eficazes recomendadas em todos os canais de comunicação e nunca é demais serem lembradas e relembradas no intuito de salvar vidas.

Veja o material. Toda a série, com 15 audioboletins, intitulada “Prevenção ao Novo Coronavírus no Campo”, lançada em agosto de 2020 e ainda muito atual, pode ser ouvida clicando aqui.

Fonte: SAA/SP, adaptado pela equipe feed&food.

JBS

JBS projeta zerar balanço de GEE até 2040

ABPA Data 4.0 traz projeções sobre o mercado