in

Polinutri participa da 33ª Reunião Anual do CBNA

Evento teve como tema principal “Nutrição Pré-Natal e de Animais Jovens”

REPRODUÇÃO

A Polinutri participou de mais um evento realizado pelo Colégio Brasileiro de Nutrição Animal (CBNA, Campinas/SP): a 33ª Reunião Anual do CBNA. Com uma rica programação, a edição realizada nos dias 10 e 11 de novembro, contou com três salas dedicadas para temas relacionados à nutrição pré-natal e de animais jovens para os segmentos de aves, suínos e bovinos.

Neste ano, além de estar entre as empresas patrocinadoras, a Polinutri, devido a sua expertise técnica-científica no mercado de nutrição animal, a convite da comissão organizadora, foi representada por dois profissionais que puderam agregar e compartilhar conhecimentos para os participantes da reunião.

Beatriz Venturelli, Gerente Técnica de Nutrição e Formulação para Ruminantes da Polinutri, foi a convidada para moderar todas as palestras da Sala Bovinos, no segundo dia de evento (11/11). A profissional conduziu os trabalhos de nomes importantes do segmento, a exemplo da palestra ministrada pelo Prof. Miguel Henrique de Almeida Santana (FZEA/USP) sobre “Nutrição de vacas gestantes à luz da nutrigenômica”; a do João Paulo Vaienti Alves dos Santos (Cowtech-Consultoria e Planejamento Ltda) abordando “Como o manejo e a nutrição das vacas no período seco afeta a vida produtiva das crias”; o “Papel de nutrição na função imune de bezerras leiteiras” conduzida pela Mariana Magalhães Campos (EMBRAPA CNPGL); a palestra sobre “Qual a melhor estratégia para aleitamento de bezerras leiteiras?” administrada por João Pedro P. Winckler (CARGILL); além de moderar a apresentação da Prof. Carla Maris Machado Bittar (ESALQ/USP) que apresentou o “Desafio do desaleitamento: como alimentar as bezerras para que tenham uma transição tranquila”.

“Foi de grande valia esta troca com tantas pessoas e profissionais experientes. De fato, foi uma reunião rica e produtiva que tratou de assuntos novos e contribuiu para todos os participantes, profissionais que atuam na nutrição dedicada para a pecuária leiteira e de corte”, destaca Beatriz.

Na Sala Aves, realizada também no segundo dia de congresso, o Chief Technology Office da Polinutri, André Viana, explanou sobre o tema “Desenvolvimento Fisiológico do Frango de Corte no Período Pós-Eclosão”. “Discorri sobre as mudanças na fisiologia e metabolismo do pintinho desde a fase de Incubação até 4 dias após a eclosão, exibi dados de desenvolvimento do trato digestório, do sistema imune e dos tecidos musculares e ósseo, e mostrei também dados sobre como alterações nutricionais baseadas nesses conceitos podem influenciar no desempenho das aves”, informa

Segundo André, os questionamentos enviados pelos participantes demonstraram que, não apenas a mensagem passada foi absorvida, mas provocaram profundas reflexões. “A Polinutri tem prazer em apoiar e participar de um encontro de alto nível apresentando todo o nosso conhecimento técnico-científico sobre as diferentes áreas da nutrição animal. É muito importante contribuir para a atualização dos técnicos, pesquisadores, professores e estudantes sempre primando pelo melhor direcionamento das principais linhas de pesquisa e desenvolvimento animal”, finaliza o Chief Technology Office da Polinutri.

Fonte: A.I, adaptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

Preços dos ovos apresentam recuo em São Paulo

Médico veterinário alerta sobre mastites

Palestra da JINC aborda carne cultivada

XVI Semana Tecnológica em TO recebe contribuição

China libera desembarque de carne bovina brasileira