in

PIB Agro cai 0,11% no primeiro trimestre

Pecuária, no entanto, estimulou crescente já no mês de março

Pecuária, no entanto, estimulou crescente já no mês de março

O resultado do Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio no primeiro trimestre de 2019 foi negativo, registrando uma baixa de 0,11%. Entretanto, em março o segmento apresentou recuperação com uma alta de 0,10%, impulsionada, principalmente, pela pecuária, de acordo com as informações da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea).

O setor pecuário teve uma alta de 0,52%, enquanto o segmento agrícola caiu 0,05%. O estudo mostrou elevação nos setores de insumos (0,83%), agroindústria (0,16%) e serviços (0,12%) em março, enquanto no mesmo período o setor primário recuou 0,17%.

A agricultura teve queda de 0,16%, influenciada principalmente pela queda de 2,18% na atividade primária, apesar da variação positiva nos outros elos da cadeia produtiva do agro. A pecuária teve variação de 0,04%, com crescimento verificado nos ramos de insumos (2,14%) e na produção primária (2,29%).

O segmento de insumos teve o melhor desempenho dentro da cadeia do agronegócio no primeiro trimestre, de 3,45%. Na agricultura, a alta foi de 4,05%, impulsionada pelos fertilizantes, que tiveram altas expressivas nos preços, e pelo crescimento da produção de defensivos. Na pecuária, a alta de 2,14% no período foi puxada pelos preços das rações.

Fonte: CNA, adaptado pela equipe feed&food.

MAPA intensifica campanha contra PSA

Concurso de Bastos terá transmissão ao vivo