in

PEC bate recorde na edição 2020

Iniciativa visa fomentar a produção de bovinos com padrões elevados

Iniciativa visa fomentar a produção de bovinos com padrões elevados

Após a realização da segunda edição do PEC – Programa de Eficiência de Carcaça, a Minerva Foods, a Phibro Animal Health e a Biogénesis Bagó anunciam os resultados e vencedores de 2020.

Dos 728 pecuaristas que se inscreveram no programa, 567 criadores enviaram animais para abate nas unidades de Araguaína (TO), Palmeiras de Goiás (GO), José Bonifácio (SP) e Mirassol D’Oeste (MT), entre março e agosto de 2020. Ao todo, o PEC abateu 237.684 animais, sendo 188.589 machos e 49.095 fêmeas. Considerando o volume total, o município com maior volume foi Palmeiras de Goiás (79.498 animais); seguido por José Bonifácio (65.139 animais); Mirassol D’Oeste (54.564 animais) e Araguaína (38.483 animais).

Mesmo com o cenário de COVID-19, a agenda de eventos com os pecuaristas parceiros seguiu em curso, no formato online, com encontros virtuais realizados também com a participação da Phibro e Biogénesis Bagó. Fabiano Tito Rosa, diretor de compra de gado da Minerva Foods, destaca que a segunda edição do PEC foi um sucesso.

“Apesar de ser um ano desafiador, tivemos resultados muito positivos e, inclusive, alcançamos números recordes nesse ano. Mais uma vez, conquistamos nosso objetivo, considerando principalmente o quanto contribuímos com nossos parceiros pecuaristas na melhoria de indicadores de qualidade. Estamos muito satisfeitos com essa edição”, afirma o executivo.

“Os resultados do segundo ano do PEC comprovam que os pecuaristas e os demais elos da cadeia da produção de carne bovina estão cada vez mais conscientes da importância da produção de carne de qualidade. Nesse sentido, o Programa de Eficiência de Carcaça tem dupla função: além de ajudar os produtores a melhorar o seu desempenho também tem um olhar do mercado, contribuindo para o aumento da rentabilidade do negócio”, ressalta Mauricio Graziani, presidente da Phibro Saúde Animal.

“Reafirmamos o nosso compromisso em ajudar a pecuária brasileira a produzir cada vez mais e melhor. O PEC proporciona uma excelente interação entre os elos da cadeia, onde podemos conversar, trocar informações e analisar dados

relevantes para o modelo pecuário dos participantes do programa”, comenta Marcelo Bulman, Country Manager da Biogénesis Bagó no Brasil.

“Parabenizamos os vencedores da edição 2020, pelo empenho e dedicação neste projeto. O PEC nos ajuda a repassar conhecimentos para os produtores melhorarem os seus indicadores de eficiência em termos de padronização e produção de carcaças com maior valor percebido junto aos consumidores. E quem ganha com isso é o nosso consumidor, que cada vez mais encontra um padrão e constância de qualidade na carne bovina. Para o próximo ano, esperamos auxiliar ainda mais produtores, de forma a contribuir para o desenvolvimento do setor”, complementa Fabiano.

Confira os vencedores por região:

Araguaína (TO):

Ouro: Marcos Ermírio de Moraes

Prata: Arnardino dos Santos Gabriel

Bronze: José Marcos dos Reis

Palmeiras de Goiás (GO):

Ouro: Mariana Quinan Bittar

Prata: Thiago Mansur

Bronze: Luis Carvalho Dias Ralston

José Bonifácio (SP):

Ouro: Marisa Garcia Barros Liebana

Prata: Ernesto de Paula Guimarães Neto

Bronze: Grupo Agro Pau D’Alho

Mirassol D’oeste (MT):

Ouro: Manuel Jorge Ribeiro

Prata: Felix Greselle

Bronze: Wallace Antunes Gonçalves

GRAND PRIX: Alaer Luiz Marques (Palmeiras de Goiás)

Criado em 2018, o PEC tem como objetivo reconhecer e valorizar os pecuaristas com melhores indicadores e que lideram o processo de produção de carcaças padronizadas e de alta qualidade. Na prática, o programa foi idealizado para produzir, hoje, o bovino do amanhã em termos de constância de oferta, precocidade, excelente acabamento de gordura, carcaça uniforme, bom peso ao abate, padronização e ph da carne.Fonte: A.I.

Cobb conta com novo gerente de Vendas

DSM inicia projeto que visa combater a desnutrição