in

Ourofino marca presença em leilão Pecuária Solidária

Evento foi realizado em prol das obras da nova unidade do Hospital de Amor

Evento foi realizado em prol das obras da nova unidade do Hospital de Amor

A Ourofino Saúde Animal esteve presente em mais uma edição do leilão beneficente Pecuária Solidária. Realizado bianualmente, em Palmas (TO),reuniundo aproximadamente 700 pessoas, entre empresários e pecuaristas em prol das obras da nova unidade do Hospital de Amor, que será inaugurada no município. Evento ocorreu no último sábado (11).

Com o total de R$ 770 mil arrecadados, o encontro foi transmitido pelo AgroCanal, que alcançou uma audiência de em torno 300 mil telespectadores. De acordo com Eduardo Gomes, leiloeiro responsável pela iniciativa desenvolvida desde 2009, mais de R$ 2,3 milhões já foram arrecadados por meio da ação.

Em 2019, o valor levantado ficou quase R$ 100 mil acima do montante de 2017. “Esse evento congrega 95% de toda a cadeia produtiva do setor agropecuário do Tocantins. Ele foi adotado por esse público, que acredita e confia no leilão”, afirma Gomes.

A cada edição, a Ourofino entra com uma quantia em dinheiro, que é aplicada na compra de um animal a ser leiloado durante o encontro. Segundo Gomes, com essa prática da indústria veterinária é possível mais do que multiplicar o valor inicialmente doado.

O cheque entregue por Jean Vieira, gerente executivo da regional Centro-Norte da Ourofino, durante o último encontro foi de R$ 10 mil. Ele ressalta que esse é um evento de grande envergadura, com um movimento solidário intenso e muitas doações de pequenos, médios e grandes produtores, além da participação de revendas e indústrias do setor. “Fazer a doação em nome da Ourofino é gratificante, especialmente pela causa apoiada.”

Para Gomes, com a ajuda de empresas é possível estabelecer ainda mais a iniciativa no circuito pecuário. “Além disso, consegue-se estimular outras empresas a participarem do Pecuária Solidária.”

Marcus Buso, gerente executivo de contas-chaves da Ourofino Saúde Animal, pontua que, para a empresa, a contribuição é uma forma de atender ao propósito de envolver e colaborar. “Buscamos reimaginar a saúde animal em todos os processos em que nos relacionamos, isso inclui fortalecer a cadeia agropecuária de modo geral e as iniciativas que mantém.”

No dia 7 de dezembro, o organizador fará a prestação de contas do evento, tal como é feito regularmente, para assim dar mais transparência ao leilão.

 Fonte: A.I., adaptado pela equipe feed&food.

Agenda regulatória do Agro é debatida em reunião

Proagro fiscalizará propriedades beneficiadas