in

Mercado halal celebra conquistas em 2020

Novas acreditações e abertura de mercados fizeram parte do ano da Siil Halal

Em crescimento, o mercado halal se destaca em meio aos propulsores da economia, segundos dados da Câmara de Comércio Árabe Brasileira o segmento deve atingir um saldo US$ 3,2 trilhões em 2024 e, para entender o alcance do mercado, produtos com a certificação halal podem ser consumidos por mais de dois bilhões de pessoas no mundo atualmente.

A certificadora Siil Halal, forte representante deste mercado no Brasil, elenca em nota alguns dos destaques das conquistas obtidas neste ano, mesmo em meio aos desafios. “Foi um ano muito bom para os nossos negócios e das empresas certificadas pela SIILHalal devido as oportunidades e conquistas”, inicia o CEO da SIILHalal Chaiboun Darwiche.

No primeiro semestre, a certificadora anunciou mais quatro novas categorias de certificação autorizadas pelo Centro de Credenciamento do Conselho de Cooperação do Golfo (GCC Acreditation Center, ou GAC) ampliando o leque de serviços da certificadora para o mercado brasileiro.

O ano também foi marcado por conquista de mercados e estreitamento de relacionamento aumentando a possibilidade das indústrias nacionais certificadas para novos negócios. “Vimos uma série de ações do governo brasileiro com vistas para estreitar relacionamento com os países árabes. Hoje o país já negocia proteínas certificadas Halal para mais de 65 países em três continentes e todas as ações deste ano visam ampliar esta fatia e introduzir novos produtos”, salienta Chaiboun.

No segundo semestre os destaques ficaram para a parceria firmada entre a SIILHalal e a Najmma, empresa de assessoria Halal, visando aumentar o leque de serviços prestados para diversos segmentos industriais interessados em participar do mercado Halal e a expansão dos negócios com os trabalhos de certificação em cinco unidades da Louis Dreyfuls Company (LDC), empresa que atua nos com os principais produtos agrícolas do Brasil, originando, processando, armazenando, transportando, pesquisando, customizando e distribuindo para clientes e consumidores em todo o mundo. Adicionalmente, a participação no Fórum Econômico Brasil & Países Árabes, fórum virtual organizado pela Câmara de Comércio Árabe Brasileira que contou com mais de 10 mil espectadores dos cinco continentes durante os quatro dias do encontro.

Logo após o Fórum realizado em outubro, o mês sequente foi marcado com a Saudi Food & Drug Authority (SFDA) autorizando a SIILHalal para certificar produtos para a Arábia Saudita. “Este reconhecimento representa nosso compromisso em atender todas as regras internacionais e Jurisprudência Islâmica, fruto de um trabalho em equipe que zela pela eficiência dos processos e, acima de tudo, está atenta a todos os requisitos exigidos pelas normas determinadas para o mercado de Certificação Halal”, destaca.

E depois de ser acreditada pela GAC e registrada pela SFDA, a SIILHalal, conquistou mais uma acreditação, a SASO – Saudi Standards Metrology and Quality Organization, fechando com chave de ouro 2020. “Em 2020 nosso crescimento foi 15%. Estamos há 12 anos neste mercado e temos vistos ano a ano que a procura pela certificação Halal cresce dada a atenção dos empresariados brasileiros por esta economia que cresce de forma sustentável”, declara o CEO.

Fonte: A.I., adaptado pela equipe feed&food.

Balança comercial do agro apresenta superávit

Banco do Brasil lança o AgroBB