in

MAPA lança programa de intercooperação

Serão selecionadas 24 cooperativas que contarão com imersões e consultorias

Serão selecionadas 24 cooperativas que contarão com imersões e consultorias

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA), por meio da Secretaria de Agricultura Familiar e Cooperativismo, em parceria com a Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) e o Instituto Interamericano de Cooperação para a Agricultura (IICA), anunciou o lançamento do edital do programa “Brasil mais Cooperativo”. A ação visa  selecionar cooperativas agropecuárias da região Nordeste que participarão do Projeto Eixo Intercooperação. As inscrições devem ser feitas até o dia 26 de novembro de 2020, por meio de cadastro no site do IICA.

Ao todo, de acordo com a Pasta, serão selecionadas 24 cooperativas agropecuárias, constituídas de acordo com a Lei Geral das Cooperativas, especialmente da agricultura familiar, com matriz em um dos Estados da região Nordeste, com destaque aos municípios localizados na região prioritária do AgroNordeste e na região do semiárido.

“Queremos mostrar que é possível o sistema cooperativo brasileiro fortalecer aquelas cooperativas que mais precisam de gestão e de acesso a mercados, por meio da troca de experiências com aquelas que já possuem excelência, muitas vezes a nível mundial. Esse edital de intercooperação é voltado para a região do AgroNordeste, mas a nossa previsão é expandir o projeto para todo território nacional nos próximos editais”, revela  o secretário de Agricultura Familiar e Cooperativismo do MAPA, Fernando Schwanke.

Esta primeira edição do Projeto Eixo Intercooperação terá duração de aproximadamente um ano e contará com diversas atividades, como a realização de webinários, a aplicação de diagnóstico para mapeamento de potencialidades e dificuldades, a execução de tarefas práticas com acompanhamento de facilitadores e consultores especializados, além das missões de intercooperação, para que as cooperativas selecionadas conheçam in loco o trabalho de outras cooperativas. As atividades têm o propósito de estabelecer um plano de ação para o desenvolvimento de cada uma das cooperativas selecionadas no edital.

Durante as missões de intercooperação, representantes das cooperativas vencedoras do edital realizarão visitas para conhecer de perto a atuação de cooperativas das regiões Sul e Nordeste reconhecidas pela excelência. O MAPA irá custear as despesas necessárias para o deslocamento de dois representantes de cada cooperativa, como passagens aéreas, hospedagem e traslado.

Para o presidente da OCB, Marcio Lopes de Freitas, o exemplo de uma cooperativa é uma importante ferramenta para fortalecer outras. “Ao praticarmos este projeto de intercooperação, com intercâmbio de visitação, para as pessoas verem na prática e levarem técnicos para fazerem esse desenvolvimento, estamos levando a muda da cooperativa para as diversas regiões. É levar mudas já testadas e com resultado comprovados. A OCB fica muito orgulhosa de fazer parte desse projeto”.

Benefícios. Os selecionados receberão mentoria de outras cooperativas que têm expertise em aspectos importantes para os negócios, como o acesso a mercados, gestão e governança e aprimoramento de processos.

Resultado. O resultado do edital será divulgado no dia 17 de dezembro no site do IICA. Dúvidas e pedidos de esclarecimentos podem ser encaminhados para o endereço eletrônico: [email protected]

Fonte: MAPA, adaptado pela equipe feed&food. 

Zani pontua trabalho consagrado do CBNA

Pif Paf se destaca em campeonato