in

MAPA aponta dicas para compra de pescados

Brasileiro consome, em média, aproximadamente 9 kg/da proteína por ano

Conhecido como mês de robusto consumo de pescados, abril marca a procura por qualidade, preço e receitas. A fim de auxiliar consumidores, Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) aponta algumas dicas na hora de comprar a proteína.

De acordo com o material disponibilizado na página ‘Rede do Pescado’, durante a Semana Santa, é possível identificar os peixes mais consumidos em cada região do País, além de dados sobre produção e períodos de defeso, que é quando as espécies não podem ser capturadas para reprodução.

“Além de saboroso, é uma proteína magra fonte de energia e de nutrientes importantes para o organismo humano, como ômega-3, ferro, zinco, cálcio e vitaminas do complexo B. Pode ser preparado frito, assado, ao molho, elaborado com ingredientes locais e frescos”, destaca o MAPA.

Como apontam recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS), o consumo de peixe deve ocorrer de forma harmônica e ser de, no mínimo, 250 gramas semanais, divididas em duas refeições, ou seja, 12 kg/ano. O brasileiro consome, em média, aproximadamente 9 kg/ano.

Fonte: Cepea, adaptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

Tereza Cristina vai ao Canadá em busca de novas oportunidades

Preço do milho sobe quase 18% após conflito europeu

Debate sobre legislação encerra XIX Congresso de ovos

carne de frango

Valor da carne de frango mantém alta

ovos

Preço do ovo em São Paulo segue em alta