in

MAPA divulga resultados do VBP 2021

O Valor Bruto da Produção Agropecuária de 2021 está estimado em R$ 1,119 trilhão

Reprodução

Em recente levantamento, Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) apontou crescimentos de 11% para as lavouras e a de 6,2% para pecuária no Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) de 2021.

Segundo a pesquisa, as lavouras representam 68% do valor total e a pecuária, 32%. Vale ressaltar que VBP de 2021 está estimado em R$ 1,119 trilhão, número 9,9% maior em comparação ao do ano passado (R$ 1,019 trilhão). Soma foi calculada com base nas informações de outubro.

Agricultura

Alguns produtos se destacaram e juntos somam 87% da VBP das lavouras, isso inclui milho e soja. A nota técnica informa que o acumulado é o maior desde 1989.

Pecuária

Os setores de carne bovina e frango foram os que mais apresentaram crescimento, em razão dos bons resultados no mercado interno e nas exportações. Até outubro, as vendas externas de carne bovina resultaram em um faturamento de US$ 16,89 bilhões. E a carne de frango, US$ 6,2 bilhões. Enquanto suínos e ovos apresentaram redução do Valor Bruto da Produção Agropecuária.

Estados

Os estados que lideraram o VBP deste ano foram: Mato Grosso, Paraná, São Paulo e Rio Grande do Sul. Juntos respondem 62,6% do VBP geral. Santa Catarina, Bahia e Pará também têm bom desempenho.

Prognóstico de 2022

Em relação ao prognóstico de 2022, as regiões produtoras devem ter normalidade, clima favorável e preços atrativos. A estimativa é de R$ 1,169 trilhão, 4,4% acima do valor projetado para este ano.

Valor Bruto da Produção Agropecuária

O Valor Bruto da Produção Agropecuária (VBP) é um indicador de desempenho da agropecuária. É considerado também um indicador do faturamento. Com atualizações mensais, seu cálculo é feito para os estados e regiões, com dados de 21 produtos de lavouras e cinco atividades da pecuária. 

Os dados são obtidos pela multiplicação da quantidade produzida pelo preço recebido pelo produtor. Como as estimativas de safras divulgadas mensalmente referem-se à previsão para o ano, a estimativa do VBP também é anual. Na pecuária, como as informações do IBGE são trimestrais, a cada três meses, são atualizadas as informações de quantidades.

A fonte de dados de produção é do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola (LSPA) do IBGE. Para os produtos da pecuária, a fonte também é o IBGE. Os preços são da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e do Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA – USP), órgão da Universidade de São Paulo. Os valores reais são obtidos com o uso do IGP-DI da Fundação Getúlio Vargas. 

Fonte: MAPA, adaptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

Preços dos ovos apresentam recuo em São Paulo

Médico veterinário alerta sobre mastites

Palestra da JINC aborda carne cultivada

Projeto da Famasul pretende capacitar produtores rurais

Secretaria de Aquicultura e Pesca do MAPA participa da Fenacam