Patrocinado
AQUICULTURA

Conteúdo

Investimentos impulsionam a produção de peixes nativos

Segundo o governador de Rondônia, o estado é um grande parceiro dos produtores
feedfood

A piscicultura tem avançado com a produção de peixes nativos por meio de investimentos realizados pelo Governo de Rondônia, o qual proporciona um impulso necessário para o setor na região.

De acordo com um levantamento nacional executado pela Associação Brasileira da Piscicultura (Peixe BR), a piscicultura em Rondônia se tornou uma importante base da economia agropecuária do Estado, contendo a maior produção de peixes nativos do País.

O estado de Rondônia foi responsável pela produção de 56,5 mil toneladas de pescado, notadamente o Tambaqui (Foto: divulgação)

“O estado é um grande parceiro dos produtores e estamos investindo para que tenhamos cada vez mais espaço na balança comercial do país. Isso vai nos gerar mais emprego, renda e oportunidades às pessoas”, defendeu o governador de Rondônia, Marcos Rocha.

O nomeado Anuário 2024 Peixe BR da Piscicultura apresenta os índices gerais do setor, notadamente os resultados, ações históricas, desafios e perspectivas de futuro.

Ainda segundo o mesmo, a cadeia produtiva de peixes contribui com a participação de 29,7% na produção total do País, e o número pode aumentar com o fomento do setor diante das oportunidades.

O Anuário também mostra um posicionamento do ponto de vista comercial; os mercados estão mais propensos a aceitar cortes específicos de pescado, como exemplo o do filé, principalmente no que diz respeito às linhas de exportação. 

O tipo de oferta foi mais bem recebido, tanto no mercado interno quanto no externo, tendência a qual deve ser observada por produtores e comerciantes.

Fonte: Portal do Governo do Estado de Rondônia, adaptado pela equipe FeedFood.

LEIA TAMBÉM:

Carcinicultura marinha: uma análise da produção em 2023

Governo estadual anuncia medidas favoráveis ao produtor de leite

Primeiro transplante de rim suíno em paciente humano é concluído