in

Genética avícola terá marca internacional

Lançamento da Brazilian Breeders será realizado durante o Siavs

Lançamento da Brazilian Breeders será realizado durante o Siavs

A Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA), em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil), lançará  no dia 28 de agosto, às 16h30, no espaço das Agroindústrias do Salão Internacional de Avicultura e Suinocultura (Siavs), no Anhembi Parque, em São Paulo (SP), a Brazilian Breeders, marca internacional do setor exportador de genética avícola produzido no Brasil. 

Uma consultoria especializada foi contratada para a construção de um trabalho de branding específico para o setor. Com a estratégia de identidade visual e alicerces da marca estabelecidos, a ABPA liderará as empresas do setor em ações nas feiras internacionais, em mercados potenciais ou com sólida importação da genética brasileira.

Conforme o presidente da ABPA, Francisco Turra, há um forte potencial de expansão nas divisas geradas pelas exportações de genética avícola.  De acordo com levantamentos da ABPA, as exportações de genética avícola brasileira geraram receita de US$ 76,7 milhões em 2018.  De ovos férteis, foram mais US$ 62,8 milhões.

“O Brasil se consolidou como plataforma exportadora de genética avícola, um dos segmentos com maior valor agregado no agronegócio e como alternativa de backup das grandes casas genéticas globais.  A nova estratégia de atuação, por meio da Brazilian Breeders, deverá ampliar este trabalho”, ressalta.

Fonte: ABPA, adaptado pela equipe feed&food.

Yes amplia estrutura comercial

Simulado de aftosa envolveu 90 propriedades