in

Faesp está monitorando caso suspeito de “vaca louca”

Entidade pede calma e serenidade de todos os elos ligados ao setor produtivo

Em nota divulgada pela Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (Faesp), entidade confirma que está acompanhando a suspeita de um caso da doença Encefalopatia Espongiforme Bovina (conhecido como “Doença da Vaca Louca” no Estado de Minas Gerais. Segundo entidade, cenário “exige calma e serenidade dos criadores de gado, frigoríficos e todos os elos da cadeia da pecuária paulista enquanto as investigações ainda estão sendo feitas e ainda não há qualquer confirmação”. Ainda segundo nota da Faesp, há chances de ser um caso atípico, sem perigo de contaminação.

Fonte: Faesp, adptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

Grupo Bayer no Brasil terá primeira mulher presidente

J.A Saúde Animal comunica falecimento de Diretor-Executivo

BRF reduz em 4% consumo de água e economiza 473 milhões lt

Tereza Cristina é eleita a nova presidente da JIA

Confira 10 motivos para participar do MilkPoint Experts