Pesquisar
Close this search box.
Patrocinado
MERCADO

Conteúdo

Diretor da GTFoods enfatiza importância da gestão baseada em dados 

Para Cesar Assmann, aqueles que se abrirem para o aprendizado estarão um passo à frente 
feedfood

João Paulo Monteiro, da redação 
joao@ciasullieditores.com.br 

Na busca por um negócio mais produtivo, sustentável e rentável, a utilização de dados tem se tornado fundamental para embasar as tomadas de decisão no setor avícola.  

A viabilidade econômica dos hardwares necessários para implementar essas soluções coloca o setor diante de um novo mundo, impulsionado pela coleta de dados em tempo real e a inteligência artificial. César Assmann, diretor de Operações da GTFoods, é um entusiasta do tema e nos ajuda a desvendar o futuro promissor que se descortina diante dessa indústria em constante evolução. 

“Estamos nos estágios iniciais desse universo de possibilidades, onde a interação entre aves e tecnologia está apenas começando a ser explorada”, afirma Assmann. “É um terreno fértil para experimentação e desenvolvimento contínuo”. 

A tecnologia já é uma aliada do setor e auxilia em diversas áreas, desde a análise de dados até a tomada de decisões estratégicas. No entanto, ainda existem algumas limitações no campo, como a infraestrutura de comunicação e acesso à internet. “Esses obstáculos estão sendo superados gradualmente, à medida que a conectividade se expande e se fortalece”, pondera o diretor de Operações da GTFoods. 

Para o executivo, estar aberto à mudança é o ponto-chave para o sucesso nessa jornada. Quem se adaptar e desenvolver as habilidades nesse novo contexto tecnológico, estará um passo à frente. 

“A preparação, aliada à abertura de mente e de práticas, é o caminho para aproveitar ao máximo os avanços tecnológicos que estão surgindo no campo. A tecnologia não é um obstáculo, mas uma aliada para tornar o trabalho mais eficiente, sustentável e produtivo”, confirma Assmann e conclui: “Ela chegou para aprimorar as práticas já existentes e impulsionar o desenvolvimento de cada profissional do setor”. 

Na prática, a GTFoods conta com uma central de monitoramento que acompanha e analisa todos os dados provenientes dos aviários integrados e se firma como um exemplo de como a combinação entre tecnologia, gestão inteligente de dados e ação proativa pode impulsionar o sucesso na atividade. 

A entrevista completa com Cesar Assmann estará na edição de julho da Revista Feed&Food. 

LEIA TAMBÉM:

O valor da informação na “bolsa de valores” do boi

“Potencializamos os recursos renováveis da natureza”, afirma Seta

VICTAM LatAm chega ao Brasil em outubro