in

Cotações do suíno voltam a se recuperar

Melhora foi constatada entre o final do último mês e o início de junho

Depois de recuos consecutivos, ao longo da maior parte do mês de maio, valores do suíno vivo reagem em regiões acompanhadas pelo Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP.

De acordo com o Centro de Estudos, as cotações do suíno vivo negociado no mercado independente voltaram a se recuperar entre o final do último mês e o início de junho, “mesmo com as vendas domésticas da carne ainda lentas”.

“Enquanto o mercado operava com queda nos valores, suinocultores, pressionados pelo elevado custo de produção, acabaram elevando pontualmente a oferta de lotes de suínos vivo – inclusive de animais mais leves. Agora, o que se observa é menor disponibilidade de animais em peso ideal de abate, contexto que tem resultado em reação nos preços”, explica o Centro de Estudos.

Fonte: Cepea, adaptado pela equipe feedfood.

LEIA TAMBÉM:

Contínua valorização do milho afeta pecuaristas

Ourofino abre inscrições para programa de estágio

SP realiza Fórum sobre retirada da vacinação contra Febre Aftosa

CARNE BOVINA

Valores da carne bovina são pressionados pela fraca demanda

Agropecuária: PIB apresenta alta de 5,7%