in

Clima atual preocupa produtores da segunda safra de milho

Segundo o Cepea, chuvas abaixo do esperado têm afastado profissionais das negociações

Com chuvas abaixo do esperado em importantes regiões produtoras da segunda safra de milho, produtores têm sido afastados de negociações, como aponta Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), da Esalq/USP.

Segundo o Cepea, no atual período de desenvolvimento das lavouras, a falta de precipitação pode prejudicar a produtividade.

“Compradores, por sua vez, precisam recompor estoques, cenário que mantém os preços em alta. Na parcial de abril (até o dia 16), o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (base Campinas-SP) subiu 4,45% fechando a R$ 97,88/saca de 60 kg na sexta-feira, 16, novo recorde real da série do Cepea. Em algumas praças, os avanços nos preços são mais expressivos, e vendedores já pedem valores acima de R$ 100 pela saca de 60 kg”, explica a instituição.

Fonte: Cepea, adaptado pela equipe feed&food.

Vetanco marca presença no Encontro Abraves

Preços da soja se destacam no Paraná