Patrocinado
AVICULTURA

Conteúdo

Carne de frango eleva competitividade frente às concorrentes

O maior ganho tem sido em relação à carne suína
feedfood
Foto: reprodução

O Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea), divulgou nesta sexta-feira (15), que o movimento de alta tem sido menos intenso, elevando a competitividade da proteína avícola frente às concorrentes.

Os preços médios das carnes de frango, suína e bovina, impulsionados pela demanda aquecida, avançaram em dezembro, ultrapassando os patamares praticados no mês anterior.

De acordo com os pesquisadores, a proteína avícola tem ganhado destaque frente ao setor suinícola, levando em consideração a diferença entre os valores do frango inteiro resfriado e o aumento de 12,8% da carcaça especial suína, passando de R$2,68/kg no mês passado para R$3,02/kg na parcial deste mês.

FOTO: REPRODUÇÃO
O maior ganho tem sido em relação à carne suína (FOTO: REPRODUÇÃO)

Já frente à carcaça casada bovina, houve aumento de 1,2% na diferença, de R$9,53/kg para R$9,64/kg. 

Fonte: Cepea, adaptado pela equipe FeedFood.

LEIA TAMBÉM:

PIB do agro tem avanço acumulado de 0,5% em 2023

Ações brasileiras são destaque nas Conferências da FAO

Uso de tanino reduz emissão de GEE em 17% na pecuária