in

BRF reduz em 4% consumo de água e economiza 473 milhões lt

Economia de um mês das unidades produtivas do Brasil é suficiente para encher 430 piscinas olímpicas

Em junho, a BRF reduziu em 4% o consumo de água das unidades nacionais da empresa. O montante equivale a 473 milhões de litros em um mês, equiparado ao consumo do mesmo período de 2020. A empresa assumiu o compromisso de reduzir em 13% do indicador de consumo de água (m³/ton) até 2025 e atua no engajamento de seus colaboradores para alcançar a meta.

 O volume reduzido de consumo registrado em junho é suficiente para abastecer 4,3 milhões de pessoas (equivalente ao estado do Amazonas) por um dia, 143 mil pessoas (equivalente à cidade de Paranaguá, no Paraná) durante 30 dias ou, ainda, encher 430 piscinas olímpicas.

Segundo a assessoria da empresa, os dados positivos refletem a Campanha pela Redução do Consumo de Água, realizada ao longo do mês, que contou com o apoio dos colaboradores das unidades produtivas da companhia no Brasil.

“Como empresa global, temos a responsabilidade de promover o uso sustentável dos recursos naturais em nossa cadeia de valor. Para isso, assumimos o compromisso público de redução de água até 2025 e contamos com norma corporativa específica, além de atuar na conscientização. A sustentabilidade está em nossa Essência e as ações para preservação da água, recurso escasso e fundamental, refletem a nossa preocupação com as pessoas e com o planeta”, declara a diretora de Sustentabilidade da BRF, Mariana Modesto.

Economizar sem perder a qualidade

A Companhia reforça que segue padrões de qualidade rigorosos que garantem a conformidade com todos os regulamentos do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) sobre o consumo e qualidade de água nos processos.

O monitoramento do uso da água é uma prática diária nas operações, com indicadores e índices que fornecem subsídios para uma tomada de decisão ágil, a fim de garantir o uso eficiente e o cumprimento dos requisitos legais em todas as operações. Para chegar a esses resultados, a BRF trabalha em três pilares específicos para atingir uma redução significativa de água: Gestão de Consumo, Reuso da Água e Parcerias.

Em Gestão de Consumo, é aplicada a automação e controle das medições do uso de água, feito um monitoramento de KPIs de consumo por processos e a implementação de diretrizes e padrões para gestão do recurso, além da promoção de treinamentos e sensibilização para seu uso de forma racional e cumprimento nas diretrizes. Na parte de Reuso da Água é realizada a definição e execução de projetos para aumentar seu reuso. Já em Parcerias, são desenvolvidas de novas tecnologias e estudos de viabilidade e técnica e regulatória para reuso de água.

Fonte: A.I., adaptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

ACCS tem sua primeira mulher presidente

Embrapa lança plataforma on-line com foco na aquicultura

Cartilha virtual, elaborada pelo Senar, foca na qualidade do leite

Grupo Bayer no Brasil terá primeira mulher presidente