in

BRF investe R$ 5,5 milhões em modernização de laboratório

Estrutura foi ampliada e conta com modernos equipamentos

A BRF, uma das maiores companhias de alimentos do mundo, investiu R$ 5,5 milhões em seu laboratório industrial, localizado na unidade de Lucas do Rio Verde (MT). Além de ampliado, o espaço conta com os mais modernos equipamentos para garantir melhor atendimento, confiabilidade e ainda mais qualidade das análises laboratoriais dos produtos da Companhia. 

A instalação, que já tinha capacidade para realizar cerca de 390 mil análises por ano, realiza operações sensoriais, físico-químicas e microbiológicas de tudo o que produzido pela Companhia nas localidades de Lucas do Rio Verde, Nova Mutum e Nova Marilândia, todas no Mato Grosso. 

Os investimentos são parte do plano de Transformação Digital, cuja previsão de aporte até 2025 é de R$ 700 milhões. Esse movimento permeia toda a cadeia de valor da Companhia, visando a garantia de eficiência no processo, e está alinhado à Visão 2030, plano estratégico de crescimento da BRF para os próximos 10 anos que a consolidará como uma empresa global de alimentos.

“O trabalho realizado pelos laboratórios é essencial para assegurar a qualidade dos produtos durante todo processo, que vai do campo à mesa, e o aporte contribui para continuarmos sendo referência no setor”, afirma Christiane Huller, gerente de Laboratórios Industriais.

O time do laboratório é formado por médicos veterinários, biólogos, químicos, engenheiros de alimentos, administradores, farmacêuticos, biomédicos e outros especialistas. Com uma equipe multidisciplinar, é possível assegurar, por meio de análises microbiológicas, sorológicas, moleculares, físico-químicas, de resíduos e sensoriais, a qualidade dos produtos, atendendo às legislações brasileiras e internacionais de países para aos quais as unidades são habilitadas para exportação.

Fonte: A.I, adaptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

Diferencial do ovo brasileiro está no frescor

Brasil participa de rodada de negócios com foco no Reino Unido

Consumo per capita de ovo deve aumentar em 2021

Redução de estresse bovino será tema de palestra

Cepea pauta queda nos preços do boi gordo e da carne em SP