in

BRF foca na redução de pegada de carnobo

A iniciativa intitulada Last Mile Optimization está em sintonia com o compromisso de ser Net Zero até 2040

sustentabilidade

Ao se pensar em sustentabilidade, BRF otimiza frota internacional e reduz pegada de carbono no Mercado halal. Ação ocorreu na Turquia e nos países do Conselho de Cooperação do Golfo (GCC), nos quais a empresa tem distribuição direta, como Emirados Árabes Unidos, Arábia Saudita, Kuwait, Catar e Omã.

De acordo com a empresa, a iniciativa intitulada Last Mile Optimization (Última Milha de Otimização), está em sintonia com o compromisso de ser Net Zero até 2040, tanto em suas operações, quanto em sua cadeia produtiva.

Desde sua implementação, em 2014, a BRF reduziu em 17% as despesas relacionadas, mantendo o elevado padrão de entrega nas operações e no nível de serviço.  A otimização do monitoramento da frota ajudou ainda a Companhia a diminuir em 23% os incidentes, e em 57% os acidentes com afastamento de condutores.

“Com utilização de um sistema digital, conseguimos ter melhor controle e visibilidade sobre os processos de entrega, encaminhamento e dinâmica diária dos caminhões e motoristas. Uma rota bem definida e estratégica reduz o número de quilômetros percorridos, acelera as sucessivas entregas e consequentemente gera menos consumo de combustível, contribuindo assim para uma melhor preservação do planeta, além de proporcionar a segurança das pessoas e a qualidade dos produtos da Companhia”, explica o diretor executivo comercial halal da BRF, Fadi Felfeli

Ainda segundo Felfeli, desde 2014, a empresa conseguiu reduzir em 20% a base de caminhões utilizados e em média 4,9 milhões de km por ano conduzidos pela sua frota na região.

“Inovação e Sustentabilidade caminham lado a lado na BRF. O projeto Last Mile Optimization contribui com a nossa jornada sustentável rumo à neutralidade climática, e com nosso compromisso de ser Net Zero até 2040. Acreditamos que a utilização de tecnologias inovadoras é capaz de auxiliar no avanço de nossa agenda ESG em nível global”, complementa a diretora de Sustentabilidade da BRF, Mariana Modesto.

Fonte: A.I, adaptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

Tereza Cristina vai ao Canadá em busca de novas oportunidades

Preço do milho sobe quase 18% após conflito europeu

Debate sobre legislação encerra XIX Congresso de ovos

Melina Bonato web

ICC marca presença no PANA 2022

CEVA

SBSA: Painel Ceva reúne conferencistas