Pesquisar
Close this search box.
Patrocinado
ARTIGO

Conteúdo

A importância da construção de marca no setor agrícola 

Ricardo Martins é CEO da TRIWI e especialista em Agromarketing 
feedfood

 
No vasto universo do agronegócio, que movimenta uma parcela significativa da economia mundial, a importância do branding é frequentemente subestimada. Em um mundo onde a digitalização e a globalização têm cada vez mais destaque, a construção de uma marca forte e distinta no setor agrícola pode ser o diferencial necessário para se destacar em um mercado cada vez mais competitivo. 

A Importância do Branding no Agronegócio 

O branding vai além de um logo ou nome bonito. Trata-se de criar uma identidade sólida para a empresa, que reflete a sua missão, visão e valores. Quando bem implementado, o branding pode estabelecer a imagem de uma empresa como confiável, responsável e inovadora. 

Para empresas do agronegócio, o branding tem a capacidade de transmitir a qualidade do produto, o compromisso com práticas sustentáveis, e a conexão com a terra e a comunidade. Em um mercado onde os consumidores estão cada vez mais conscientes da origem dos produtos que consomem, uma marca forte pode ser a chave para conquistar e manter a lealdade do cliente. 

Exemplos de Sucesso 

Há vários exemplos de empresas no setor agrícola que conseguiram construir marcas fortes e bem-sucedidas. Uma delas é a John Deere, uma empresa que produz maquinário agrícola. A marca é reconhecida mundialmente pela sua confiabilidade e durabilidade, bem como pelo seu compromisso com a inovação. O logo icônico do cervo em salto tornou-se sinônimo de qualidade no setor agrícola. 

Outro exemplo de sucesso é a brasileira SLC Agrícola. Com uma história de quase meio século, a empresa trabalhou para se posicionar como líder em inovação e sustentabilidade no agronegócio. A marca da SLC Agrícola é associada a eficiência, respeito ao meio ambiente e alta produtividade. 

Lições Aprendidas 

Estes exemplos de sucesso nos ensinam que o branding no agronegócio é um investimento a longo prazo. Construir uma marca forte não acontece da noite para o dia. É necessário um compromisso constante com a qualidade, a inovação e a sustentabilidade. 

Além disso, o branding eficaz exige autenticidade. Os consumidores podem facilmente identificar quando uma empresa está apenas fazendo um esforço superficial para parecer responsável ou inovadora. Para construir uma marca forte no setor agrícola, as empresas precisam viver os valores que promovem. 

Finalmente, o branding bem-sucedido envolve contar uma história. Seja a história da origem da empresa, dos seus produtos, ou da sua relação com a comunidade e a terra, contar uma história é uma maneira poderosa de se conectar com os consumidores e criar uma identidade de marca forte e memorável. 

O branding é uma ferramenta essencial para as empresas do agronegócio que desejam se destacar em um mercado cada vez mais competitivo. Com autenticidade, compromisso com a qualidade e a capacidade de contar uma história envolvente, as empresas do setor agrícola podem construir marcas fortes que ressoam com os consumidores e resistem ao teste do tempo. 

LEIA TAMBÉM:

Resiliência e força: Campanelli anuncia novo confinamento

Sucesso de público, evento da Unifrango surpreende organização

H5N1: delegação brasileira irá ao Japão no final de julho