Pesquisar
Close this search box.
Patrocinado
EVENTOS

Conteúdo

6ª edição do Mulheres do Agro premia três categorias de propriedades

Café, grãos e pecuária fazem parte da história das três vencedoras
feedfood
FOTO: GLOBO RURAL

A 6ª edição do Prêmio Mulheres do Agro, realizada pela Bayer e a Associação Brasileira do Agronegócio (ABAG), aconteceu na quarta-feira (26), no Congresso Nacional das Mulheres do Agronegócio, em São Paulo. Entre as categorias premiadas este ano estão a pequena, a média e a grande propriedade. Fazendo parte da história das três vencedoras está o café, os grãos e a pecuária.

Na categoria de pequena propriedade está a zootecnista paulista, Ana Paula Curiacos, que gerencia a Fazenda Três Meninas, em Monte Carmelo, Minas Gerais, e conduz a lavoura de cerca de 54 hectares de café especial – práticas regenerativas adotadas por ela, se tornando referência em sustentabilidade no cerrado mineiro e responsável pela comercialização do produto.

Em média propriedade, a engenheira agrônoma de goiana, Ingrid Graziano, gerencia há oito anos a Fazenda da Grota, na família desde 1993, que fica em Formosa, Goiás, e cuida da transição da produção de pecuária de corte, passando de um sistema de cria para fazer melhoramento genético. Durante esses anos na frente do negócio, a capacidade de lotação da fazenda foi dobrada depois das reformas de estrutura, recuperação de pastagens e a construção de uma fábrica de ração.

Já em grande propriedade, está Flavia Saldanha de Jacarezinho, no Paraná, onde administra desde 2004 a Fazenda Califórnia com o auxílio do marido na produção focada em café e grãos, baseada 100% na adoção de práticas agrícolas conservacionistas. Flavia também recebe mensalmente na fazenda visitas de escolas do município para a realização de palestras e atividades lúdicas sobre educação ambiental.

As premiadas desta edição fazem parte de 54 mulheres que já receberam homenagem de destaque no setor. Neste ano, foram 210 inscritas e nove finalistas.

Fonte: Globo Rural, adaptado pela equipe FeedFood.

LEIA TAMBÉM:

PIB do agro tem avanço acumulado de 0,5% em 2023

Ações brasileiras são destaque nas Conferências da FAO

Uso de tanino reduz emissão de GEE em 17% na pecuária