in

34° Reunião Anual do CBNA será em novembro em Campinas (SP)

O tema central do evento abordará sobre a nutrição e as demandas do consumidor

Ao realizar a 34ª Reunião Anual do CBNA – aves, suínos e bovinos, nos dias 9 e 10 novembro de 2022, o Colégio Brasileiro de Nutrição Animal (CBNA), “mais uma vez, se apresenta como fórum de divulgação e discussão das inovações científicas em prol do desenvolvimento social, ambiental e econômico, já que o papel da nutrição animal é garantir a resiliência e a produtividade, produzindo mais com menos, otimizando os recursos ambientais, além de oferecer soluções para uma cadeia produtiva mais sustentável e eficiente”, afirma o Presidente do CBNA, Ariovaldo Zani, que está otimista com a realização do evento. 

O tema central do evento será ‘A nutrição e as demandas do consumidor: bem-estar animal e meio ambiente’, “é um assunto que já se revela autoexplicativo e contemporâneo. É flagrante observar a crescente e justa preocupação da sociedade diante da fome que aflige cerca de oitocentos milhões de pessoas e atenta às estratégias que possam assegurar pleno abastecimento oriundo das cadeias produtivas engajadas com o controle e mitigação do aquecimento global e do manejo ético e humanitário dos animais”, explica Zani.  

A 34ª Reunião não deixará de discutir outro tema muito abordado em congressos: a crescente preocupação mundial com a escalada da temperatura e a emissão de carbono das atividades agropecuárias, dentre tantos outros compromissos e iniciativas que visam garantir às gerações futuras o usufruto contínuo dos recursos naturais contemporâneos.  

“Envieso ao otimismo e aposto no sucesso do evento, porque diante da convulsão social e econômica que tem afligido esse planeta, o CBNA, mais uma vez, se apresenta como fórum de divulgação e discussão das inovações científicas em prol do desenvolvimento social, ambiental e econômico, já que o papel da nutrição animal é garantir a resiliência e a produtividade, produzindo mais com menos, otimizando os recursos ambientais, além de oferecer soluções para uma cadeia produtiva mais sustentável e eficiente. Ou seja, o CBNA está engajado aos princípios básicos ou os “cinco Ps” da FAO (pessoas, planeta, prosperidade, paz e parceria)”, finaliza o presidente do CBNA.  

Fonte: A.I, adaptado pela equipe feed&food. 

LEIA TAMBÉM:

MAPA aponta dicas para compra de pescados

Agro brasileiro amplia exportações durante mês de março

13⁰ Simpósio Técnico da ACAV anuncia nova

Cobb-Vantress reúne especialistas de todo País em evento

ABPA e ApexBrasil promovem Projeto Imagem durante SIAVS2022