in

10° SBSBL abordará manejo pós desmama

Evento acontecerá entre os dias 9 a 11 de novembro, com transmissão a partir de Chapecó (SC)

Dr João
Reprodução

Atenção com a nutrição das bezerras, entre outros fatores,  é ponto determinante para o desempenho dos animais. Após a desmama, elas precisam de cuidados específicos para que atinjam sua melhor performance quando adultas, além disso, os cuidados com as bezerras as tornarão boas vacas com bastante produção de leite, saudável e com longevidade.

Este será o tema abordado na palestra dirigida pelo doutor em Animal Science, João Costa, “Nutrição e manejo pós-desmama: como melhorar a performance e a eficiência financeira”, que acontecerá no dia 10 de novembro, durante o painel “Gado jovem: investindo no futuro da fazenda”,  no 10° Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite (SBSBL).

O evento é promovido pelo Núcleo Oeste de Médicos Veterinários e Zootecnistas (Nucleovet) e está agendado para os dias entre 9 a 11 de novembro, com transmissão a partir de Chapecó (SC). Paralelamente ocorrerá a 5ª Brasil Sul Milk Fair virtual.

Participação especial

Sendo engenheiro agrônomo, com mestrado em etologia e bem-estar animal e doutorado em Animal Science, João Costa é, atualmente, professor assistente na Universidade do Kentucky, onde trabalha em programa de pesquisa e extensão focado em pecuária de leite de precisão, bem-estar animal e nutrição. O estudo do manejo e nutrição e sua influência sobre o desenvolvimento de bezerras lactantes tem sido um dos principais focos de pesquisa.

O integrante da Comissão Científica do 10º SBSBL, Selvino Giesel, destaca sobre os cuidados que são necessários em todas as fases de vida dos animais, enfatizando que cada um deve ter aspectos específicos. “Ter atenção em todas as etapas e seguir as orientações dos profissionais são importantes para melhorar a performance dos animais e, com isso, a eficiência financeira da propriedade. Na palestra, o doutor João Costa abordará temas importantes sobre a fase pós-desmama e contribuirá com novos conhecimentos para os participantes do Simpósio”, declara.

O 10º Simpósio Brasil Sul de Bovinocultura de Leite tem apoio da Associação Paranaense de Criadores de Bovinos da Raça Holandesa, do Conselho Regional de Medicina Veterinária de SC (CRMV/SC), da Embrapa Gado de Leite, do Icasa, da Prefeitura de Chapecó, do Sindicato dos Produtores Rurais de Chapecó, do Sistema FAESC/SENAR-SC, do Sindirações, da Sociedade Catarinense de Medicina Veterinária (Somevesc) e da Unochapecó.

INSCRIÇÕES

A comercialização do segundo lote dos ingressos segue até o dia 6 de novembro, os preços serão reajustados para o terceiro lote aberto dos dias 7 a 13 de novembro – Pacotes a partir de dez inscrições terão algum benefício cuja regras podem ser consultadas no site.

Para saber mais informações e fazer sua inscrição, clique aqui.

Fonte: A.I, adaptado pela equipe feed&food.

LEIA TAMBÉM:

Preços dos ovos apresentam recuo em São Paulo

Médico veterinário alerta sobre mastites

Palestra da JINC aborda carne cultivada

Coordenador fala sobre 33ª Reunião Anual do CBNA

CARNE BOVINA

Veto chinês potencializa queda de envios de carne bovina nacional