18/05/2017 ONE TO ONE

Empresas e laboratórios terão oportunidade de desenvolver negócios no País

Fórum de Inovação será realizado pela primeira vez na América Latina

Luma Bonvino e Natália Ponse, da redação

A ser realizado entre os dias 27 e 28 de junho em São Paulo (SP), o Fórum de Inovação em Saúde Animal é uma plataforma de desenvolvimento de negócios para empresas de saúde animal e conglomerados multinacionais. A oportunidade vai unir interessados em investir e em receber investimento no agronegócio.

No local, são aguardados mais de 150 participantes, em 24 palestras, com 12 expositores na vitrine de inovação, além de reuniões privativas desenhadas durante o evento.

O objetivo é reunir grandes corporações, grandes estruturas comerciais e de marketing, com empresas inovadoras, que possuem algum tipo de tecnologia aplicada à saúde animal, seja ela inserida em produtos ou processos, com utilidade para a indústria e vice-versa. “Essas plataformas inovadoras encontram nas grandes corporações uma forma de chegar aos diferentes mercados globais de maneira muito mais eficiente”, ressalta o consultor de Saúde Animal, Luiz Luccas, que faz parte do conselho que analisa as companhias expositoras no encontro.

Esta é a primeira vez que o fórum é realizado na América Latina. O Animal Health Innovation Latam já aconteceu na Europa e na Ásia. “No último evento da Europa as empresas entraram em contato com os organizadores para saber para onde deveriam levar esse modelo. Eles ponturam que um dos mercados mais importantes e promissores para eles é o latino americano”, relembra.

LUIZ LUCCAS-FEEDFOOD

Luiz Luccas fez convite aos empresários e investidores para comparecerem ao Animal Health Innovation Latam durante visita à Ciasulli Editores (Foto: feed&food)

Ainda de acordo com a organização do encontro, que acontece no Hotel Hilton São Paulo, no bairro do Morumbi, há quatro pontos fundamentais a serem destacados: identificar sócios estratégicos na América Latina; acesso a executivos de alto nível em saúde animal; definir estratégias para registrar produtos na região; e obter investimentos ou desenvolver interesse em fusões.

Luccas afirma que o grande desafio para a indústria de saúde animal atualmente é a inovação e, mais que isso, encontrar estes inovadores. “Por isso é preciso sempre estar atento às novidades. As empresas pequenas tem o know-how, mas não conseguem de alguma maneira vencer a barreira de se apresentar para as grandes corporações. No fórum elas poderão desenvolver os negócios por meio de 18 reuniões ‘one-to-one’ para cada uma, com uma agenda específica em que os dois lados interessados são atendidos”, explica.

Atualmente a organização está escolhendo as empresas que participarão do Fórum. Luiz Luccas é médico-veterinário com 30 anos de experiência no setor de saúde animal, e um dos brasileiros que levarão cases ao comitê. “Nossa ideia é sempre trazer inovações que tragam valor para a cadeia produtiva como um todo”, complementa. A programação já está disponível para download, em português. Para participar é preciso realizar o cadastro no site.