13/11/2017 HISTÓRICO

ABCS celebra seus 62 anos a serviço da suinocultura brasileira

Trabalho realizado pela associação é comemorado em 13 de novembro

Com seis décadas de atuação, a Associação Brasileira dos Criadores de Suínos (ABCS, Brasília/DF) foi fundada em 13 de novembro de 1955, em Estrela (RS). O objetivo foi favorecer desenvolvimento tecnológico da suinocultura brasileira e promover um papel decisivo no melhoramento genético do rebanho brasileiro.

Apesar das diversas conquistas, o desafio na suinocultura continua presente. O melhoramento genético da carne suína, que passou do porco banha para a proteína mais saudável que conhecemos hoje, e o registro genealógico foram as primeiras etapas vencidas pela ABCS junto aos produtores.

Agora, com o crescimento do setor e de acordo com as demandas atuais, a ABCS articula em vários campos soluções para as demandas dos produtores de suínos do País, entre elas a promoção do consumo da carne suína.

O presidente da associação, Marcelo Lopes, ressalta que as ações vão além das conquistas na área política, mas também englobam a desmistificação da carne suína. “Além de realizar a Semana Nacional da Carne Suína, prosseguiremos fortalecendo os contatos a nível nacional e trabalharemos forte na gestão da produção”, complementa o líder da ABCS.

Marcelo-Lopes_ABCS2

"Vamos continuar trabalhando envolvendo o marketing, a política e a produção", sinaliza presidente da ABCS (Foto: reprodução)

Na edição especial da feed&food que contou a história do aniversário de 60 anos da associação, Marcelo Lopes, havia dito que “o processo de construção de uma associação sustentável é constante, não pode parar”. Palavras que, ainda atuais, perpetuam a vontade incansável da ABCS em andar de mãos dadas com a evolução da suinocultura brasileira.

Fonte: Redação feed&food.